Camila Campanerut - Agencia ZURI

15/12/2021

O que Magazine Luiza, Via Varejo, GPA e Lojas Americanas têm em comum? As quatro das 10 maiores varejistas do Brasil fazem uso da solução Looqbox, ou seja, estão apenas a um clique de ter acesso às suas informações estratégicas, seja pela equipe de vendas na ponta ou pelos tomadores de decisão C-level.

A ferramenta de Business Intelligence (BI) da Looqbox, que funciona como um “Google para os dados da empresa”, conseguiu levar essas gigantes e seus demais clientes ao verdadeiro patamar de empresas data-driven, quer dizer: baseiam suas decisões e planejamentos em análise de dados.

Ranqueadas pela Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo (SBVC),  as 300 maiores empresas do varejo do país tiveram, no último dia 5 de dezembro de 2021, uma noite de comemoração por sua expressiva atuação na economia nacional. Em evento presencial, fechado para convidados, realizaram o Prêmio Destaques do Varejo Brasileiro SBVC 2021. As homenagens foram feitas a partir do levantamento da sétima edição do Ranking da SBVC. 

Entre as principais conclusões do documento está a de que as empresas com os melhores resultados e consolidadas em sua liderança são justamente as “mais ágeis na identificação de problemas e implementação de soluções, além daquelas que têm sido mais eficientes na digitalização dos negócios e na entrega de experiências de compra relevantes aos consumidores (fisicamente, de forma digital e, cada vez mais, omnichannel [por todos os canais])”. 

Dada a importância do evento, a Looqbox participou e figurou como uma de suas patrocinadoras. De acordo com o CEO Rodrigo Murta, a presença da startup no prêmio foi fundamental para colocar em prática uma de suas premissas de vendas preferida, a tríade “Conhecer-Gostar-Confiar”. 

“A participação no evento ajuda a fechar essa tríade: as empresas presentes passam a conhecer a solução, sua praticidade e o valor que ela agrega; tomam conhecimento das grandes marcas que já usam o Looqbox; e isso chancela a confiança em nós, pois essas grandes marcas passam a credibilidade do nosso produto”, explica Murta.

A conjuntura de pandemia forçou a aceleração do processo de digitalização dessas empresas de varejo. O levantamento da SBVC mostra que subiu de 162, em 2019, para 210, em 2020, o número de empresas que entraram no mundo digital, com destaque para os supermercados.

“Carrefour, Assaí, Magazine Luiza, Via Varejo e GPA Alimentar abraçaram a ‘cultura startup’, revolucionando um setor que tradicionalmente era low tech e high touch. Em tempos de distanciamento social, essas empresas exemplificam a capacidade de ganhar agilidade e flexibilidade, se tornando high tech sem perder a personalização no relacionamento com os clientes. Muito pelo contrário: com uma cultura baseada em dados, as líderes se posicionam cada vez mais como empresas centradas nos clientes”, ressalta o estudo.

Acompanhando de perto as mais recentes tendências do varejo, em janeiro de 2022 Murta participa, com a comitiva BTR-Varese da edição 2022, da NRF, que é a maior feira de varejo do mundo. O CEO promete trazer as novidades mais quentes do setor para o público brasileiro.

Tags: